José Lins do Rego

José Lins do Rego

José Lins do Rego

Nome completo: José Lins do Rego Cavalcanti

Nascimento: 03/07/1901 – Pilar, PB

Falecimento: 12/09/1957 – Rio de Janeiro, RJ

Forma autorizada: Rego, José Lins do

Biografia

José Lins do Rego Cavalcanti nasceu em 1901, no Estado da Paraíba, e morreu em 1957 na cidade do Rio de Janeiro.

Viveu a maior parte de sua vida em Recife, cidade onde se formou em Direito. A partir de 1936, passou a viver na cidade do Rio de Janeiro. O dia-a-dia e os costumes tanto de Pernambuco quanto do Rio de Janeiro eram evidentes em suas obras literárias.

Ele deu início ao conhecido Ciclo da Cana-de-Açúcar com a obra: Menino de Engenho. Além deste livro, este notável escritor escreveu outros livros, como: Doidinho, Banguê, O Moleque Ricardo e Usina, que possui narrativa descritiva do meio de vida nos engenhos de açúcar e nas plantações de cana do Nordeste.

Em sua segunda fase, José Lins do Rego escreveu romances que tinham como tema a vida rural. Deste período, fazem parte as seguintes obras: Pureza, Pedra Bonita, Riacho Doce e Água Mãe. No ano de 1943 publicou o livro Fogo Morto, considerado a sua obra-prima; posteriormente escreveu Euridice, Cangaceiros, alguns ensaios, crônicas e outras obras.

Este notável escritor foi eleito membro da Academia Brasileira de Letras em 1955 e teve suas obras traduzidas para diferentes idiomas, entre eles, o russo. Antes de morrer, escreveu um livro de memórias chamado Meus Verdes Anos.

Fonte: http://www.suapesquisa.com/pesquisa/linsdorego.html