BNDigital

História da Ciência | Desinfectório Central de São Paulo (1893)

19 mar 2021

Artigo arquivado em História da Ciência
e marcado com as tags Biblioteca Nacional, Desinfectório, Epidemias, São Paulo, Saúde Pública, Secult

O Desinfectório Central foi um dos pioneiros na área do serviço sanitário no Brasil. A construção localizada em São Paulo foi inaugurada em 1893, desempenhando um importante papel no combate às epidemias. Responsáveis por atividades como desinfecções domiciliares e também a remoção de doentes para hospitais de isolamento e corpos de pessoas mortas por doenças infecto-contagiosas, tanto o Desinfectório Central quanto o Hospital Emílio Ribas faziam parte da Inspetoria da Profilaxia de Moléstias Contagiosas.

Na década de 60 a descentralização administrativa e reestruturação dos serviços de saúde pública ocasionaram um considerável esvaziamento das atividades no prédio.
Desde 1979, o edifício funciona como Museu de Saúde Pública Emílio Ribas. É considerado um dos prédios mais importantes dentro da saúde pública em São Paulo sendo, inclusive, tombado como Patrimônio Histórico Paulista pelo Condephaat em 1985.

O museu é especializado em História da Saúde Pública e custodia um dos mais importantes acervos documentais sobre o assunto no Brasil. O acervo é composto por registros textuais, iconográficos, sonoros, audiovisuais e objetos. Possui uma área de exposição com temas relacionados à História da Saúde com documentos pertencentes ao acervo.

A imagem compõe o acervo da Seção de Iconografia e está disponível na BN Digital.


(Seção Iconografia)