BNDigital

Império do Brasil | Viagem de D. Pedro II aos Estados Unidos em 1876 – Hotéis em Nova Iorque

03 dez 2020

Artigo arquivado em Império do Brasil
e marcado com as tags 1876, Biblioteca Nacional, Buckingham Hotel, Dom Pedro II, Estados Unidos, EUA, Fifth Avenue, Fifth Avenue Hotel, Manhattan, New York, Nova Iorque, Quinta Avenida, Secult, Windsor Hotel

Nova Iorque foi o ponto de chegada e de partida da viagem de D. Pedro II aos Estados Unidos em 1876.

O Imperador esteve em Nova Iorque em três momentos: chegou no dia 15 de abril, vindo do Brasil, e ficou até o dia 17, quando partiu rumo à costa Oeste dos Estados Unidos. Em 16 de junho pernoitou na cidade. E retornou entre os dias 5 e 12 de julho, antes de embarcar para a Europa.


Fotografia do Hotel Fifth Avenue (em papel albuminado), feita pelo fotógrafo José Maria Mora na década de 1870.

Em abril, D. Pedro e comitiva ficaram hospedados no Hotel Fifth Avenue. A bandeira do Império do Brasil foi hasteada no alto do hotel, atraindo os olhares de todos.

O Fifth Avenue foi um hotel de luxo inaugurado em 1859 na Quinta Avenida, em frente ao Central Park, um pouco afastado do centro comercial da cidade na época. No século XVIII havia no local uma parada de diligências e um chalé. Na década de 1850 foi erguido o Hipódromo de Franconi, uma estrutura semelhante a uma grande tenda de lona e madeira onde havia corridas de bigas e de cavalos.

O Fifth Avenue possuía seis andares, e era revestido com tijolo e mármore. Foi o primeiro hotel a possuir elevador, e havia banheiros privativos e lareiras em todos os quartos. Era bastante frequentado por políticos, como o Presidente Ulysses Grant. Ele foi demolido em 1908, e um edifício comercial foi construído no local.


Outra vista do Hotel Fifth Avenue (estereograma em papel albuminado), da série Anthony's Instantaneous Views, na década de 1860.

Em junho, após ficarem vários dias em Boston (Massachusetts), no caminho para Filadélfia (Pensilvânia) D. Pedro II e comitiva pararam em diversas cidades. No dia 16 estiveram no Hotel Windsor, na Quinta Avenida em Nova Iorque. D. Pedro e D. Teresa Cristina foram ao teatro nessa noite.

O Windsor foi inaugurado em 1873, e além de hotel também servia como residência para alguns ricos hóspedes. Em 1899 o hotel foi destruído por um trágico incêndio, e muitas pessoas perderam suas vidas.

Em julho o Imperador encerrou sua viagem aos Estados Unidos, ficando hospedado entre os dias 5 e 12 no Hotel Buckingham. Também localizado na Quinta Avenida, o Buckingham foi inaugurado em 1876, sendo considerado um dos melhores hotéis de Nova Iorque na época. Possuía oito pavimentos, além de dois subterrâneos. Pertencia ao rico empresário e comerciante do ramo farmacêutico George Kemp (1826-1893). A Catedral de Saint Patrick, que ainda estava em fase de construção, localizava-se em frente ao hotel. Ele foi demolido em 1921, dando lugar a um edifício comercial.

Aqui vemos algumas imagens da fachada e do interior do Hotel Buckingham, publicadas no periódico O Novo Mundo em julho de 1876.


http://memoria.bn.br/docreader/122815/1358?pesq=Buckingham%20hotel

http://memoria.bn.br/docreader/122815/1359?pesq=Buckingham%20hotel

(Seção de Iconografia)



Fotografia do Hotel Fifth Avenue (em papel albuminado), feita pelo fotógrafo José Maria Mora na década de 1870.